Econômia

lojas de rua e Shoppings reabrem na capital nesta segunda: saiba as regras e o que funciona

É preciso criar horários exclusivos para idosos e adultos dos grupos de risco e as lojas devem ser higienizadas constantemente

Nesta segunda-feira (15), as lojas de rua e os shoppings voltam a funcionar em todo o Maranhão. O processo faz parte da reabertura gradual dos serviços não essenciais no estado, após divulgação da portaria nº 0398, de 10 de junho de 2020.

Nos shoppings poderão funcionar lojas, quiosques, clínicas e supermercados. No entanto, ainda não podem funcionar as praças de alimentação, cinemas, áreas infantis e quaisquer grandes promoções ou eventos que possam causar grandes aglomerações ou gerar tumultos. Em relação à restaurantes, lanchonetes, bares e similares localizados em galerias e shopping centers, estes só poderão funcionar com delivery ou drive-thru.

A portaria publicada pela Casa Civil do Governo do Maranhão estabeleceu uma série de regras sanitárias para o funcionamento de todo o setor lojista no Estado para combater a pandemia do novo coronavírus. Tais como:

Limite de clientes

  • O estabelecimento deverá limitar o ingresso de pessoas a fim de que a lotação não ultrapasse a 30% de sua habitual capacidade física; Os clientes dentro das lojas precisam manter distância de dois metros entre eles;
  • Uso de máscaras é obrigatório, assim como a higienização das mãos com água e sabão ou álcool em gel;
  • O estabelecimento deverá organizar fila do lado externo, com o distanciamento de 2 metros;
  • É preciso criar horários específicos e exclusivos para idosos (60 anos ou mais) e adultos dos grupos de risco, devendo estes serem amplamente divulgados e controlados.

Higienização

  • Shopping Centers deverão disponibilizar aos consumidores, na entrada e em pontos estratégicos, lavatórios com pia com água corrente, sabão ou sabonete líquido, papel toalha em quantidade suficiente e seu suporte e lixeiras que possibilitem a abertura e o fechamento sem o uso das mãos;
  • As lojas devem realizar a higienização de todos os ambientes com álcool gel 70% e/ou sanitizantes ou produtos antissépticos que possuam efeito similar;
  • As lojas que tiverem provadores devem higienizar imediatamente o produto após o cliente experimentar;
  • O serviço de manobrista continua suspenso, assim como o empréstimo de carrinhos de bebês nos shopping centers.
  • Fica vedado o uso de sacolas reutilizáveis, devendo ser recomendado aos clientes o descarte das sacolas utilizadas.

Horário

  • Cada segmento precisa adotar um horário diferente de início das atividades. Veja como ficará:
  • 5 e 7 horas: postos de combustíveis e panificadoras
  • 6 e 8 horas: supermercados; área de saúde; indústrias alimentícias; indústrias farmacêuticas; e construção civil
  • 7 e 9 horas: agências loterias; vigilantes, zeladores e porteiros; farmácias e drogarias; oficinas mecânicas e borracharias; lojas de produtos agropecuários e veterinários; hospitais e clínicas veterinárias; e agências lotéricas
  • 9 e 11 horas: bancos; salões de beleza; lojas de veículos; e comércios de rua que estejam autorizados a funcionar.
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo