Saúde

Perda de olfato e paladar provocadas pelo Covid-19 podem persistir por meses

Pessoas que foram contaminadas pelo coronavírus tendem a apresentar a perda de capacidade olfativa em diversos graus, desde a dificuldade em sentir cheiro até a ausência total do sentido. Igual à maioria das reações, esse incômodo geralmente desaparece com o tempo. No entanto, em alguns casos, essa sequela pode permanecer por meses após a recuperação

Segundo estudo realizado com mais de 2,5 mil pacientes europeus e publicado no Journal of Internal Medicine, a perda de olfato e do paladar ocorre em 86% dos casos leves da Covid-19. Ainda de acordo com a pesquisa, em torno de 5% das pessoas podem levar até seis meses para recuperar a sensibilidade aos cheiros, nos demais pacientes o período é de 18 a 21 dias.

Em relação aos casos moderados e graves, apenas 4% a 7% das pessoas perderam a capacidade olfativa e de sentir gosto. Sinais como tosse, febre e falta de ar costumam ser frequentes entre esses indivíduos, além da propensão a problemas como hipertensão, diabetes, distúrbios gástricos, renais, respiratórios, cardíacos, hepáticos e neurológicos.

Para evitar esses e os outros problemas, medidas de prevenção seguem sendo a melhor estratégia, e entre elas está o uso de máscaras. Da Agência Estadão.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo