Polícia

Tiroteio entre faccionados deixa um morto e feridos na Vila Cutia

Disputa por domínio de território é a principal motivação.

Uma disputa por território pode ter motivado o tiroteio entre membros de facções criminosas rivais no fim da noite desta segunda-feira (11), na Vila Cutia, no bairro do São Raimundo, em São Luís.

Homem conhecido como Magu morreu ao ser baleado em tiroteio
De acordo com informações da Polícia Civil, um jovem de 22 anos, identificado como Lucas Costa de Jesus, conhecido como ‘Magu’, foi baleado várias vezes na região do pescoço, peito e cabeça e ainda chegou a ser socorrido, levado ao Hospital Dr. Clementino Moura, o Socorrão 2, localizado na Cidade Operária, mas chegou sem vida na unidade.

Dois faccionados foram baleados durante o confronto. Esses dois feridos também foram encaminhados ao hospital, mas não foi divulgado o estado de saúde dos mesmo.

Os primeiros levantamentos da Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP), dão conta que Lucas Costa não era membro de facção criminosa, no entanto andava junto com indivíduos que têm relação com grupos criminosos e tenha sido confundido pelos atiradores.

A Polícia Militar foi ao local, no entanto ninguém foi preso. ”Tivemos informações através de familiares que compareceram aqui na SHPP de que a vítima foi atingida com muitos tiros. A vítima estaria transitando na rua onde mora no momento em que apareceu um veículo, segundo testemunhas um veículo gol preto, em que os integrantes desse veículo efetuaram vários disparos contra a vítima. A gente calcula que possa ter sido alguma questão de conflito entre facções, uma vez que no São Raimundo há esse constante conflito”, explicou o delegado George Marques da SHPP.

Veja o vídeo do socorro:

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo