EntretenimentoFofoca

Zezé Di Camargo ‘não tem vontade de falar’ após morte do pai, diz Graciele Lacerda

Graciele Lacerda relatou angústia de Zezé Di Camargo dias após morte do pai, seu Francisco. A influenciadora afirma que o sertanejo está superando aos poucos: 'Ele não tem vontade de falar e nem de fazer muita coisa, mas fora isso ele está bem'. Confira desabafo!

Graciele Lacerda está se dedicando aos cuidados de Zezé Di Camargo após morte do sogro, seu Francisco, que faleceu aos 83 anos na última segunda-feira (23). Em seu perfil do Instagram, a musa fitness relatou a angústia do sertanejo e comentou que aos poucos vai superando. “Ele está bem, está tranquilo. Claro que tem aquela falta. Ele não tem vontade de falar e nem de fazer muita coisa, mas fora isso ele está bem. Isso é normal, e ele vai ficar um tempo assim”, iniciou.

‘ME ACABO DE CHORAR’, DIZ GRACIELE LACERDA SOBRE PERDA DO PAI

Se colocando no lugar de Zezé, Graciele Lacerda contou aos fãs que mesmo após 10 anos da partida de seu pai ainda tem fortes lembranças. “Eu perdi o meu pai e entendo muito bem o que ele está sentido. É como se a gente perdesse o chão, o rumo. Mas ele vai superar. Já, já ele vai voltar com as coisas dele mais tranquilo. Mas claro que ele vai passar por turbilhões de sentimentos. Porque é assim que a gente sente, fica por um bom tempo. Até hoje, tem dez anos que meu pai morreu. Até hoje às vezes me pego lembrando de alguma coisa e me acabo de chorar. Essas lembranças vão sempre existir. Mas a tristeza vai se transformando. É só o tempo, mesmo”, disse.

ZEZÉ DI CAMARGO SE DESPEDE DO PAI: ‘MEU AMOR É TÃO GRANDE’

A morte de seu Francisco foi lamentada por muitos famosos nas redes sociais. No velório do patriarca dos Camargo, realizado em Goiânia, Goiás, Zezé não conteve a emoção e foi consolado pelas filhas, Wanessa e Camilla, grávida de uma menina. Na ocasião, Luciano não pode comparecer por ter contraído o vírus da covid-19.

Na internet, Zezé Di Camargo prestou homenagem e seu último adeus ao pai: “Nenhuma tristeza é para sempre, como nenhuma felicidade é eterna. Prepara-te para aprender com a dor e viva intensamente o que Deus te deu de presente: ‘a vida’. A lágrima que vem da alegria, é a mesma que vem da dor. O que muda é o contexto! Com sabedoria e numa conversa franca com Deus, não divirja, apenas aceite! Peço perdão pela tristeza que estou sentindo agora porque sei que minha dor também é sua. Me perdoe pelo egoísmo de insistir que fique aqui, mas meu amor é tão grande, que me tira a sensatez, a lucidez e o entendimento, que a vida é assim! Mais uma vez me perdoe, por insistir que fique aqui. Te amo, meu pai”.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar