PolíciaPolítica

Polícia Federal realiza busca e apreensão na secretaria Municipal de saúde de São Luís

Gestão Edivaldo na Mira da Justiça!

Na manhã desta sexta-feira (30), a Polícia Federal e a Controladoria Geral da União deflagraram duas operações sendo a 2ª fase da Cobiça Fatal e a Oficina Desmascarada, contra a gestão de Edivaldo Holanda Júnior, em São Luís.

Os policiais federais cumpriram mandados de busca e apreensão na sede da Secretaria Municipal de Saúde e prenderam duas pessoas por desvio de verbas públicas federais fraudando processos de compra de Equipamentos de Proteção Individual durante a pandemia do novo coronavírus (Covid-19), além de além de 7 medidas cautelares diversas da prisão, como afastamento de função pública, e proibição de acesso a SEMUS.

Segundo informações da Polícia Federal, a nova investigação iniciou a partir da oitiva de investigados e relatórios policiais que analisaram o afastamento do sigilo telemático, onde confirmou-se a participação de diversos servidores da Secretaria Municipal de Saúde de São Luís na falsificação de documentos públicos no bojo de processo realizado para a compra de 320.000 mil máscaras, causando um prejuízo efetivo de R$ 1.811.600,00 milhão ao erário municipal.

Foram identificadas propostas enviadas, numa mesma data, pela empresa contratada para o e-mail particular de servidores públicos, sem qualquer assinatura, e ofertando máscaras triplas ao preço unitário de R$ 3,50, diferindo da proposta vencedora encontrada no processo apreendido, na qual a SEMUS comprou esse insumo médico ao preço unitário de R$ 9,90, e dessa mesma empresa.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar