fbpx
Polícia

Acusado de ser o mandante de duplo feminicídio é indiciado pela Polícia

Mais duas pessoas foram indiciadas por participação no crime.

Acusado pela Polícia Civil de ser o mandante dos assassinatos de Graça Maria Pereira Oliveira, de 54 anos e  Talita Oliveira de Oliveira Friseiro, de 25 anos, ambas mãe e filha, foi indiciado pelo crime e teve a prisão temporária convertida para prisão preventiva.

VEJA TAMBÉM: Mãe e filha são encontradas mortas no Calhau

O empresário G. A. S. seria o mandante de morte da ex-mulher e da filha dela, ocorrido no dia 7 de junho de 2020, no bairro Quintas do Calhau, em São Luís. A delegada Viviane Fontenelle, do Departamento de Feminicídio, da Superintendência de  Homicídios e Proteção à Pessoas (SHPP), informou que foram cumpridos três mandados, contra G. A. S., contra o mestre de obras que atuou como intermediador e um terceiro homem que executou o crime. Todos já encontram-se presos no Complexo Penitenciário de Pedrinhas.

Mãe e filha foram encontradas mortas dentro do veículo da família
Mãe e filha foram encontradas mortas dentro do veículo da família

“Estamos na fase de conclusão do inquérito, com o indiciamento dos três suspeitos, devendo finalizar tudo nos próximos dias. Então, encaminharemos à justiça para que o Ministério Público possa oferecer a denúncia. E, no decorrer do processo, os três irão responder pelos crimes presos”, afirmou a delegada.

O crime

No dia 7 de Junho de 2020,  Graça Maria Pereira Oliveira, de 54 anos e  Talita Oliveira de Oliveira Friseiro, de 25 anos, foram encontradas mortas dentro e um veículo da família, enroladas em um lençol. Inicialmente a polícia prendeu um homem suspeito de  executar as vítimas, logo em seguida ao mandante de crime, o ex-marido que foi preso em Imperatriz e o mestre de obras que teria realizado a intermediação.

Em depoimento, o suspeito de executar as vítimas contou detalhes do crime e confessou que recebeu a quantia de R$ 5.000,00  pela execução da mãe e da filha.

VEJA TAMBÉM: Polícia prende autor e mandante de duplo feminicídio no Calhau

 

 

Mostrar mais

Deixe uma resposta

Artigos relacionados

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo