fbpx
GeralInternet e Redes Sociais

WhatsApp suspende por 90 dias punições para quem não aceitar nova política

Desde que foi anunciada, a nova política do WhatsApp está enfrentando críticas dos usuários e também de órgãos governamentais. Após pedidos, a empresa decidiu aumentar o tempo antes de começar a restringir contas. A Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), a Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD), o Ministério Público Federal (MPF) e o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) foram quem fizeram a recomendação ao Facebook.

Nova política do WhatsApp

No anúncio, o WhatsApp informou que quem não aceitar os novos termos não ter a conta bloqueada inicialmente, mas deve perder o acesso a lista de conversas (agora isso deve ocorrer daqui a 90 dias). Quem for penalizado, só vai poder responder mensagens ou atender chamadas após receber notificações. E isso também não deve ser para sempre. A empresa não deu um prazo certo, mas disse que após “algumas semanas do início das restrições” as notificações deixaram de aparecer.

Além disso, quem não aceitou ainda, vai começar a receber lembretes de forma mais incisiva nos próximos dias, reforçando a necessidade de concordar com os termos de uso do WhatsApp.

A nova política de privacidade do WhatsApp diz respeito às mensagens enviadas para empresas, que podem ser armazenadas nos servidores do Facebook e cujos dados podem ser usados para publicidade. O WhatsApp compartilha algumas informações pessoais, como números de telefone, com o Facebook desde 2016.

Fonte: Olhar digital

Mostrar mais

Deixe uma resposta

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo