fbpx
Filmes e Séries

‘Game of Thrones’ para quem nunca assistiu: o que é e como ver todas as temporadas

A série criada por David Benioff e D.B. Weiss, inspirada nos livros de George R. R. Martin, entrou no ar em 2011 e teve sua última temporada em 2019. Desde o primeiro episódio, o obra teve sucesso e fez com que o mundo todo parasse para assistir. Ao todo, foram oito temporadas e 73 episódios de uma narrativa fora do comum, com diversos núcleos, protagonistas, guerras que lembram os tempos medievais, conflitos políticos e elementos de fantasia, como dragões e “zumbis congelados”.

Então, caso você seja alguém que tenha interesse de começar a série agora, ou tenha parado em meio ao período em que a produção era exibida pelos canais HBO, segue um “guia para iniciantes” com perguntas básicas sobre a história, elenco, além de informações sobre como e onde assistir ‘Game of Thrones’.

O Trono de Ferro, de 'Game of Thrones'. Imagem: HBO/Divulgação
O Trono de Ferro, de ‘Game of Thrones’. Imagem: HBO/Divulgação
  • Onde surgiu ‘Game of Thrones’? É baseada em livros?

Exato! ‘Game of Thrones’, ou ‘GoT’, se baseia na série de romances de fantasia ‘A Song of Ice and Fire‘ (no Brasil, adaptado para ‘Crônicas de Gelo e Fogo’), do autor George R. R. Martin. O primeiro livro foi publicado nos Estados Unidos (EUA) em 1996 e se chama justamente ‘A Game of Thrones’, ou seja, a ‘Guerra dos Tronos’.

Até agora, George escreveu cinco de sete livros prometidos, deixando o HBO com a responsabilidade de terminar a história antes dele. A franquia vendeu mais de 90 milhões de cópias em todo o mundo, de acordo com jornal New York Times.

E mesmo com a série encerrada, as duas últimas partes da história em livro ainda não tem previsão da lançamento.

De sete livros prometidos da franquia 'Game of Thrones', apenas cinco foram lançados. Imagem: Milleflore Images / Shutterstock.com
De sete livros prometidos da franquia ‘Game of Thrones’, apenas cinco foram lançados. Imagem: Milleflore Images / Shutterstock.com
  • Qual é a história de ‘Game of Thrones’?

Com tantas intrigas, batalhas e guerras, ‘GoT’ é uma referência perfeita à política de modo geral. Muitos dos conflitos pelo poder fazem paralelo com a história do mundo e às gestões internacionais.

Além disso, a trajetória nos apresenta diversos elementos sobrenaturais, como controle de animais, conexão com árvores sagradas, viagem no tempo (sem exagero, relaxe), além de bruxas, criaturas grotescas e possibilidades de ressuscitações.

Ned Stark (Sean Bean) com a filha Arya (Maisie Williams) em cena da primeira temporada de 'Game of Thrones'. Imagem: HBO/Divulgação
Ned Stark (Sean Bean) com a filha Arya (Maisie Williams) em cena da primeira temporada de ‘Game of Thrones’. Imagem: HBO/Divulgação

A trama da série se passa numa era equivalente à nossa Idade Média, em uma região chamada Westeros. O local é o maior de todo o continente fictício, formado por Sete Reinos: o Norte, as Ilhas de Ferro, o Vale, a Campina, as Terras Ocidentais, as Terras da Tempestade e Dorne (calma, não precisa decorar isso agora).

Até o início da obra, estava tudo relativamente calmo em Westeros, com todas essas nações governadas pelo Rei Robert Baratheon. Mas em uma visita ao Norte, governado pela Casa Stark de Winterfell – uma das mais importantes da trama – ele solicita que o responsável por governar a região, Eddard ‘Ned’ Stark, seja seu conselheiro.

Em meio a tudo isso, a esposa de Ned, Catelyn Stark, recebe uma carta avisando que o clã Lannister – da esposa do Rei Robert – pode não ser confiável. A rainha Cersei, conhecida por ser mãe zelosa e articuladora implacável, mantém um caso extraconjugal com o próprio irmão gêmeo, Jaime, e mostra motivos para desconfiança de sua família.

Mesmo sob aviso, Ned Stark vai para a capital dos Sete Reinos, chamada Porto Real, e descobre segredos dos Lannisters, que involuntariamente irão desencadear guerras, assassinatos e reviravoltas na série. Todas as informações, além da morte do rei Robert, dão a largada ao “jogo” pelo Trono de Ferro.

Winter is Coming' é frase icônica de 'Game of Thrones'. Imagem: HBO/Reprodução
“Winter is Coming’ é frase icônica de ‘Game of Thrones”. Imagem: HBO/Reprodução

Fato curioso: o eixo Stark-Lannister é o ponto-chave para o início, mas não é o principal da série. Ainda na primeira temporada, é mostrado que outras Casas, como Targaryen, Greyjoy, Tyrell e Martell, querem e tentam governar os Sete Reinos.

  • O que é “the winter is coming”

Existe uma questão climática real em Westeros que é importante: as estações duram anos. Após mais de uma década de verão (o mais longo de que se tem memória na série), o inverno foi chegando aos poucos. Logo, a frase “the winter is coming” (“o inverno está chegando”, na tradução literal) é algo que marca ao assistir ‘Game of Thrones’.

Junto à mudança climática, a frase de impacto marca as disputas políticas e o perigo dos “White Walkers”, uma horda de mortos-vivos de gelo (com um incrível dragão zumbi congelado, inclusive) que ameaça todos os reinos. Esses seres, também chamados de “Os Outros”, vivem em regiões inexploradas além da Muralha — estrutura que protege o Norte e toda Westeros. Eles têm os poderes de congelar os locais por onde passam e o objetivo de matar humanos.

Kit Harington como Jon Snow em 'Game of Thrones'. Imagem: HBO/Divulgação
Kit Harington como Jon Snow em ‘Game of Thrones’. Imagem: HBO/Divulgação

Neste contexto que é apresentado um dos personagens centrais da série, Jon Snow, que é o comandante da Muralha. Ele tem a importante tarefa de defender Westeros dessas criaturas e, no decorrer de ‘GoT’, tenta convencer os outros reinos de que existe uma ameaça em comum que todos precisam enfrentar … o que não é algo fácil de fazer.

E já adiantamos: você é do tipo de pessoa que se apega a determinado personagem? Então, se prepare! Ao longo de oito temporadas de ‘Game of Thrones’, vários reis, seres e figuras importantes do universo – quase protagonistas por terem bastante destaque – morreram (ou foram mortos).

  • Há diferença entre os livros e a série?

Várias, mas não dá para saber se são superficiais ou não, visto que a série teve um fim antes da história dos livros. Visando tornar a narrativa mais estreita de uma plataforma para outra, os produtores David Benioff e D.B. Weiss cortaram e fundiram diversos personagens, abandonando simplesmente enredos inteiros para caber na produção do HBO.

George R.R. Martin segurando um Emmy na cerimônia de 2016
George R.R. Martin segurando um Emmy na cerimônia de 2016

Quando a quinta e última publicação até então de ‘Game of Thrones’ chegou em 2012, intitulada “A Dança dos Dragões”, os produtores da obra na TV começaram a improvisar em cima de uma linha geral passada pelo criador George R. R. Martin. Só essas três pessoas souberam o final até o lançamento do último episódio, em 2019, mas nunca ficou claro se será o mesmo que ocorrerá nos livros. É esperar para ver.

  • Onde e como assistir ‘Game of Thrones’?

Pronto para encarar o desafio? Legal, mas então, como assistir ‘Game of Thrones’ atualmente? Por ora, o melhor jeito de ter acesso a todas as temporadas e episódios de uma vez só é assinando TV a cabo com direito ao HBO, ou o serviço de streaming HBO Go. As duas alternativas oferecem a possibilidade de acesso ao conteúdo do canal sob demanda, ou seja, você assiste quando e onde quiser.

Mas seja rápido! Em junho de 2021, o novo serviço de streaming do canal, o HBO Max, irá chegar ao Brasil e à América Latina. A plataforma irá descontinuar os trabalhos do HBO Go, que não existirá mais.

Elenco da oitava temporada de 'Game of Thrones' reunido. Imagem: Instagram/Reprodução
Elenco da oitava temporada de ‘Game of Thrones’ reunido. Imagem: Instagram/Reprodução

Ou seja, se você quiser ver todas as temporadas de ‘Game Of Thrones’ no streaming, só será possível assinando HBO Max ou conferindo reprises nos canais HBO Signature e TNT Series.

Atualmente, a HBO Go oferece um período de testes durante sete dias, no qual é possível usar o serviço de graça, e, depois disso, o usuário passa a pagar R$ 34,90 mensalmente. O serviço pode ser acessado pelo celular, computador e transmitido para a TV pelo Chromecast. Mas e aí, bora assistir ‘Game of Thrones’?

Mostrar mais

Deixe uma resposta

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo