fbpx
Mundo

Casos na Alemanha sobem acima do limite de hospitais e país cogita lockdown

A Alemanha reportou um aumento de 13.733 casos de covid-19 e mais 99 mortes pela doença, para um total 2.659.516 de infectados e 74.664 óbitos, segundo a última atualização do Instituto Robert Koch (RKI, na sigla em inglês), uma agência estatal de saúde. Os números elevaram a média de contaminações a cada 100 mil habitantes dos últimos sete dias no país para 103,9, acima do limite estabelecido para sobrecarga do sistema de saúde alemão, de 100.Segundo a Reuters, isto eleva a pressão política na Alemanha pela adoção de uma nova quarentena. Lideranças nacionais e regionais vão se reunir por videoconferência na segunda-feira, 22, para decidir sobre uma próxima rodada de restrições para frear o avanço do vírus. Na última reunião, no início de março, eles concordaram por uma reabertura cautelosa, apesar das objeções da chanceler Angela Merkel, que alertou para o surgimento de variantes mais infecciosas do novo coronavírus.

No Japão, porém, a situação é inversa, e o governo deve anunciar amanhã o fim do estado de emergência adotado em algumas das regiões mais populosas do país, incluindo Tóquio e outras três prefeituras vizinhas. O premiê Yoshihide Suga afirmou que a população “não deve baixar a guarda” após as medidas de segurança sanitária serem suspensas, de forma a “evitar que as infecções voltem”.

Índia registrou na manhã de hoje seu maior número de casos diários de coronavírus dos últimos quatro meses, de acordo com a Associated Press. 43.846 novos casos foram reportados nas últimas 24 horas pelo Ministério da Saúde do país, o pior aumento em um único dia desde meados de novembro. O estado central de Maharashtra, lar da capital financeira da Índia, Mumbai, é responsável por mais da metade das novas infecções. Ao todo, o governo do país já contabilizou 11.599.130 de casos de covid-19, sendo que 159.755 destes resultaram em óbito.

Turquia também tem registrado uma alta nas contaminações, em especial na região da capital Istambul. Os dados do Ministério da Saúde local mostram que a taxa de infecções por 100 mil habitante subiu para 251 na noite de sábado, um aumento de 41% desde a semana anterior. O recrudescimento da pandemia ocorre à medida que o governo do presidente Recep Tayyip Erdogan relaxa medidas restritivas após pressão de empresários.

*Agência Estadão

Mostrar mais

Deixe uma resposta

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo