fbpx
Polícia

‘Operação Parasitas’ prende 17 pessoas em seis cidades do Maranhão

Polícia investigava o grupo há dois anos. Arma de fogo foram apreendidas.

A Polícia Civil deflagrou na manhã desta quarta-feira (18), a “Operação Parasitas”, que culminou no cumprimento de 17 mandados de prisão preventivas e 08 mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça contra suspeitos de integrarem organização criminosa dedicada ao tráfico de drogas interestadual.

Reprodução/ Informações da SSPMA
Reprodução/ Informações da SSPMA

Os mandados foram cumpridos nos municípios de São Luís, Alto Alegre do Maranhão, Itapecuru-Mirim, Codó, Coroatá e Barra do Corda e visou desarticular uma organização, que remetia grandes quantidade de droga de outros estados para o Maranhão.

A investigação durou, aproximadamente, dois anos e, durante os atos investigatórios, houve a apreensão de cerca de 500kg quilos de entorpecentes, droga esta que seria distribuída para todo o estado.

Dentre os alvos da operação, seis deles já se encontravam presos no sistema prisional e, mesmo continuavam com a prática dos crimes por intermédio de comparsas.

Tráfico de drogas interestadual
Tráfico de drogas interestadual

Durante os cumprimentos dos mandados, um dos presos, no município de Codó, foi encontrado na posse de 04 armas de fogo, razão pela qual foi também autuado em flagrante delito pelo crime de posse irregular de arma de fogo de uso permitido.

Após as formalizações das prisões, os presos foram encaminhados ao sistema prisional onde ficarão à disposição da justiça.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo