Local

Governo expande serviço de cardiologia para pacientes mantidos em observação nas UPAs da capital

As Unidades de Pronto Atendimento (UPA) de São Luís contam agora com médicos especializados para fazer avaliação cardiológica de pacientes mantidos sob observação nas unidades. O novo serviço passou a funcionar este semestre depois da contratação do primeiro grupo de médicos cardiologistas aprovados no concurso público da Secretaria de Estado da Saúde (SES) para a Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh), realizado no início do ano. O certame ofereceu, ao todo, mil vagas para diversas categorias profissionais, sendo 11 vagas destinadas a cardiologistas.
A oferta de médicos cardiologistas nas UPAs para avaliação e encaminhamento de pacientes com problemas cardíacos é um novo serviço, criado para dar rapidez e maior resolutividade aos atendimentos de urgência e emergência na capital, explica a gerente de Qualidade da Emserh, Ana Carolina Marques. “Na estrutura funcional das UPAs, desenhada pelo Ministério da Saúde, não há oferta de serviço médico de cardiologia. Como alternativa, decidimos agregar o serviço de avaliação cardiológica para pacientes em observação a fim de dinamizar o atendimento e encaminhar de imediato a pessoa com suspeita de problemas cardíacos para a unidade de saúde especializada”, destaca Ana Carolina.
O novo serviço se tornou operacionalmente viável após a contratação de médicos cardiologistas aprovados no concurso público para a Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares, empresa pública gestora de 70% da rede de saúde do Estado, incluindo as UPAs. Em junho a Emserh convocou oito cardiologistas aprovados no concurso. Cinco deles foram contratados e hoje atuam nas UPAs da capital e também no ambulatório do Centro de Especialidades Médicas (CEM), no bairro Diamante.
“O concurso público para a Emserh fortaleceu o quadro profissional especializado em toda a rede de saúde estadual, proporcionando melhorias gradativas no atendimento prestado à população. Sem dúvida alguma, a área da Saúde deu um salto de qualidade com a realização do concurso”, avalia o presidente da empresa, Vanderley Ramos.
Avaliação cardiológica nas UPAs
Em caso de haver pacientes em observação nas UPAs de São Luís com suspeita de problemas cardíacos, o médico cardiologista é acionado. Após avaliar o paciente, o cardiologista emite parecer médico com o devido encaminhamento para o caso. Se houver necessidade de exames específicos ou intervenção cirúrgica, o paciente é dirigido aos hospitais Dr. Carlos Macieira e hospitais de referência. Em caso de necessitar apenas de consulta médica o paciente é, então, encaminhado para atendimento em ambulatórios da rede estadual, entre eles, o do CEM do bairro do Diamante, onde a consulta será feita pelo mesmo médico cardiologista que avaliou o paciente na UPA.
Para o médico oncologista Rodrigo Lopes, diretor clínico da Emserh, a avaliação cardiológica no serviço público de urgência e emergência traz um ganho considerável para os cuidados com o paciente. “Os pacientes com cardiopatia, mantidos sob observação nas UPAs, passaram a ter um atendimento médico específico, com profissionais qualificados no campo da cardiologia, para definir, de forma rápida e precisa, a sua internação ou alta”, destaca. “A implantação da avaliação cardiológica tem nos ajudado muito a atender e regular a grande demanda de pacientes com problemas cardíacos que buscam diariamente as UPAS em São Luís”, completa.
O serviço de avaliação cardiológica para pacientes em observação está disponível exclusivamente nas UPAs de São Luís, localizadas nos bairros Vinhais, Araçagi, Cidade Operária, Parque Vitória e Itaqui-Bacanga.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar