fbpx
Mundo

Ex-chefe da ONU é condenado a 9 anos por pedofilia

Peter Dalglish foi detido no ano passado com dois meninos em seu quarto

O canadense Peter Dalglish, de 62 anos, foi condenado a nove anos de prisão por pedofilia. A sentença foi divulgada nesta segunda-feira (8) no Nepal, onde ocorreram os casos denunciados. Dalglish é ex-chefe da Organização das Nações Unidas.

Ele trabalhou como um dos líderes de projetos da organização de 2006 a 2010. No ano passado, foi alvo de denúncias de abuso por diversas crianças de rua nepalenses. Ele foi seguido pelas autoridades durante três meses e depois preso em flagrante com dois meninos em seu quarto, um de 12 e outro de 14 anos.

Dalglish foi considerado culpado em junho e aguardava a sentença desde então. Além da prisão, foi condenado a pagar indenização de 500 mil rúpias a cada um dos meninos. O montante equivale a mais de R$ 27 mil.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios